.pedaços recentes

. Alucinação - Parte II

. Alucinação - Parte I

. Um par de sapatos - Parte...

. Um par de sapatos - Parte...

. Um elo invisível

. Efeito borboleta

. Às vezes o escuro basta

. Campanha de Incentivo à L...

. Simple things...

. Ir com calma...

. Cliché

. Anzol

. Closure

. As if it was always the f...

. A espera

.tags

. todas as tags

.arquivos

. Abril 2014

. Março 2014

. Outubro 2013

. Julho 2013

. Maio 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Junho 2012

. Abril 2012

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Abril 2010

. Fevereiro 2010

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

Quarta-feira, 26 de Dezembro de 2007

Eu só quis que soubesses quem eu sou...

Iris

E eu desistiria da eternidade para te tocar
Pois eu sei que, de algum modo tu me sentes
É o mais próximo do paraíso que eu jamais estarei
E eu não quero ir para casa agora

E tudo o que posso provar é este momento
E tudo o que posso respirar é a tua vida
Porque mais cedo ou mais tarde tudo acaba
Eu só não quero ficar sem ti esta noite

E eu não quero que o mundo me veja
Porque eu sei que eles não entenderiam
Quando tudo é feito para não durar
Eu só quero que tu saibas quem eu sou

E não podes lutar contra as lágrimas que vêm
Ou o momento de verdade das tuas mentiras
Quando tudo se parece como nos filmes
Sim, tu sangras apenas para saber que estás vivo

E eu não quero que o mundo me veja
Porque eu sei que eles não entenderiam
Quando tudo é feito pra não durar
Eu só quero que tu saibas quem eu sou

E eu não quero que o mundo me veja
Porque eu sei que eles não entenderiam
Quando tudo e feito pra não durar

Eu só quero que saibas quem eu sou!

 

(imagem tirada da net)
 

 

Não sei se conseguiria desistir da eternidade para te tocar... Se os teus sinais me mostrassem um caminho! Mas neste momento os sinais desapareceram. Houve momentos em que esses sinais eram tantos. Sentia-me feliz, porque em tempos também deixei de os procurar, então apareceste tu.

Então fui-me deixando levar, por ti. Aos poucos fui-te trazendo comigo. Ainda hoje estás comigo, e sempre vais estar. A maneira como te guardo é que pode ir mudando com o tempo, pois estou certa que a maneira como me guardas também não será sempre igual. Mas o para sempre já existe. A tua pele já tocou a minha.

Eu só quis que soubesses quem eu sou... e já conheces tanto de mim! Mas não conheces tudo, e estou certa que nunca vais conhecer. Guardo mistérios em mim que, se te revelasse um por cada dia, uma vida não bastava para os conheceres a todos. Por isso nunca te convenças que sabes tudo de mim, terei sempre algo guardado para te surpreender.

 

 

sinto-me: nem sei...
música: Goo Goo Dols - Iris

by anamar às 14:51

link do post | comentar | favorito

1 comentário:
De xUxAnItAh a 26 de Dezembro de 2007 às 20:16
Percebo-te amiga...

Beijo daqueles bons...!


Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Abril 2014

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30


.favorito

. A energia de um sorriso.....

. Línguas de fogo

. James Carrington - "Ache"

. Numa caixa de papelão

. Viagem no teu pensamento

.outros pedaços

blogs SAPO

.subscrever feeds