.pedaços recentes

. Alucinação - Parte II

. Alucinação - Parte I

. Um par de sapatos - Parte...

. Um par de sapatos - Parte...

. Um elo invisível

. Efeito borboleta

. Às vezes o escuro basta

. Campanha de Incentivo à L...

. Simple things...

. Ir com calma...

. Cliché

. Anzol

. Closure

. As if it was always the f...

. A espera

.tags

. todas as tags

.arquivos

. Abril 2014

. Março 2014

. Outubro 2013

. Julho 2013

. Maio 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Junho 2012

. Abril 2012

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Abril 2010

. Fevereiro 2010

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

Sexta-feira, 19 de Outubro de 2012

A arte de ser feliz

 

 (fonte: https://fbcdn-sphotos-e-a.akamaihd.net/hphotos-ak-prn1/32372_356293941131675_572074686_n.jpg)

 

“Muita gente não sabe ser feliz, e quer que você também não seja!”

 

Esta frase fez-me pensar. Principalmente a primeira metade. Desencadeou na minha mente uma pequena projeção de imagens e ideias numa pequena fração de segundos.

 

Realmente a felicidade só pode ser uma arte. Há tanta gente capaz de ser (muito) feliz com tão pouco. Porque é que continua a haver gente com muito e não consegue sê-lo?! Só pode mesmo ser falta de jeito, falta de arte. Infelizmente é um mal de que muita gente sofre.

Como qualquer outra arte, ou se nasce com o dom, ou se aprende. Obviamente, se não nascemos com o dom, aprender pode não bastar para sermos os melhores. Mas também quem quererá ser o melhor? Não confundamos no entanto o ser-se o melhor em ‘saber ser feliz’ com o melhor em ‘ser feliz’.

 

Quem quererá ser ‘o’ mais feliz de todos?! Ambicionar ser o ‘génio’ é querer o impossível.

 

Eu imagino que, para se ser verdadeiramente feliz, essa felicidade tem de ser partilhada, e logo aí cairíamos no paradoxo de não poder ser ‘o’ mais feliz. Além de que um sentimento só existe porque existe o seu oposto, e no momento em que eu hipoteticamente fosse ‘a’ mais feliz e me apercebesse disso, logo deixaria de o ser, bastava-me olhar para o lado.

 

Como tal, penso que, como seres humanos, nos basta sermos um pouco felizes, ou alguma coisa, ou de vez em quando, desde que saibamos sê-lo. 


by anamar às 19:31

link do post | comentar | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Abril 2014

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30


.favorito

. A energia de um sorriso.....

. Línguas de fogo

. James Carrington - "Ache"

. Numa caixa de papelão

. Viagem no teu pensamento

.outros pedaços

blogs SAPO

.subscrever feeds