.relógio

.pedaços recentes

. Apetece-me sonhar...

. Quero voar...

. Carta de um anjo...

. Como um pássaro livre!

.tags

. todas as tags

.arquivos

. Abril 2014

. Março 2014

. Outubro 2013

. Julho 2013

. Maio 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Junho 2012

. Abril 2012

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Abril 2010

. Fevereiro 2010

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

.aqui e agora

hit counters

Segunda-feira, 14 de Julho de 2008

Apetece-me sonhar...

 

(imagem tirada da net)

 

Hoje apetece-me apenas fechar os olhos e sonhar. Fazer com que a letra desta música seja o meu sonho…

Então a música toca e eu deixo-me envolver. Sinto… o coração bate mais depressa. Quero… quero que este sonho seja a minha verdade. Quero tanto que até dói.

Sinto um quentinho no peito, um aconchego bom. Um sonho guardado desde sempre, que não consegue mais estar fechado neste coração triste. Algo tão lindo não deveria ser obrigado a não passar de um sonho. Algo tão puro deveria viver… deveria crescer e dar luz aos corações.

E aqui estou eu… só a sonhar. A ganhar asas e voar. Tão longe quanto um sonho pode ir, tão alto como a queda que ainda suporto… só para sorrir mais um pouco, só para ser feliz mais um instante. Só para ter algo escrito para te ler um dia. Um dia, quando já não fores só um sonho…

 

 

sinto-me: a sonhar...
música: Hold still - David Fonseca

by anamar às 03:41

link do post | comentar | favorito

Sábado, 5 de Abril de 2008

Quero voar...

   
(imagem tirada da net)


    Passamos a vida a querer voar sem tirar os pés do chão...
    Passamos o tempo a desejar coisas sem corrermos atrás...
    Perdemos tempo esperando, quando o que nos fará felizes pode estar mesmo ao nosso lado.
    Teimamos em percorrer os caminhos mais seguros sem perceber que muitos deles são becos sem saída. Mais cedo ou mais tarde teremos de voltar atrás e corrigir as nossas pegadas.
    Mas os momentos não se repetem. Quando molhares as mãos num rio, nunca tocarás a mesma gota de água duas vezes.


   

 

sinto-me: Leve
música: "Chuva" _ Mariza
tags: ,

by anamar às 19:55

link do post | comentar | favorito

Sexta-feira, 28 de Dezembro de 2007

Carta de um anjo...

 
 
 
 

(imagem tirada da net)


Tu és o meu protegido. Deus criou-me para olhar por ti. Sei que não me vês mas sentes-me. E tu sabes disso.

Sempre que uma lágrima te cai a minha mão está poisada no teu ombro. Sou eu que te dou a coragem de chorar, de sentir a dor. A dor significa que te permitiste a amar, que abriste o teu coração. E quando alguém abre o coração, abre-o ao bem e ao mal. 

Tudo na vida tem o seu contrário, o seu oposto. É isso que faz com que exista equilíbrio. Conhecendo o bem aprendemos a proteger-nos do mal. Conhecendo o mal aprendemos a valorizar o bem. Tudo se completa e só faz sentido se for assim.

E eu estou sempre contigo. Sei que me sentes e às vezes que me reconheces no meio das coisas desse mundo. Às vezes até olhas para mim. E eu sou tão feliz quando olhas para mim...

Hoje é um dia especial. Vamos fazer um pacto, tu e eu. Quando nasci fiz uma promessa, olhar sempre por ti, por todos os dias da tua vida. Mas o amor que te tenho é tão grande, que te quero dar mais do que isso. A partir de hoje, a nossa amizade vai ser diferente, vai ser especial, ainda mais especial. A partir de hoje, vou falar contigo, muitas vezes, e tu vais ouvir-me com carinho, porque o teu coração é grande. Aceita este meu presente, porque o verdadeiro amor não se rejeita.

Agora descansa…
"AG"    25-Set-07

 

 

Este foi um texto que eu escrevi há algum tempo… Achei merecedor de um lugar neste meu sentimental blog. Quando o escrevi achei que muitos mais capítulos teria, mas o personagem principal perdeu as forças, o anjo perdeu a vontade de voar... Quem sabe um dia não descubra que não é preciso mais nada além de vontade para voltar a voar como dantes.

sinto-me: Tranquila
tags: , , ,

by anamar às 16:52

link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito

Quarta-feira, 18 de Julho de 2007

Como um pássaro livre!

 

(imagem tirada da net)

 

Porque os meus braços são como os ramos de uma árvore onde só pousam os pássaros que eu decido que pousem… e ficam só o tempo que eu deixar!

Geralmente o suficiente para deixar marcas.

Mas eu hoje decidi que também quero ser pássaro.

Porque os pássaros são livres por natureza.

Porque por muitas árvores onde pousem, podem sempre levantar voo.

Porque por mais que pousem nas árvores, acabam sempre é por se juntar a outro da mesma espécie.

Porque eu estou cansada de ser árvore e ver os pássaros pousar e partir!

E ver-me ficar sempre para trás.

Por isso hoje decidi vou ser pássaro, que vou voar, voar por onde eu quiser, por onde eu puder, por onde me deixarem…

Até encontrar outro da minha espécie, e então já não voar sozinha!

sinto-me: livre

by anamar às 01:19

link do post | comentar | favorito


.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Abril 2014

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30


.Fases da Lua

CURRENT MOON

.favorito

. A energia de um sorriso.....

. Línguas de fogo

. James Carrington - "Ache"

. Numa caixa de papelão

. Viagem no teu pensamento

.outros pedaços

blogs SAPO

.subscrever feeds